7 curiosidades sobre a Atari que você precisa saber

em Artigos, Curiosidades.

Há 45 anos era lançado um dos jogos mais clássicos da Atari, o Pong. Ele não tinha os gráficos que os games de hoje possuem, mas foi extremamente importante para a história do videogame.

O jogo eletrônico simula o tênis de mesa; foi desenvolvido por Nolan Bushnell e Ted Dabney e instalado pela primeira vez em um bar de São Francisco, na Califórnia. Ele nada mais era do que um console ligado a um monitor e movido a moedas. Foi por causa do Pong que a Atari foi fundada – em 27 de junho de 1972.

Diante disso, listamos 7 curiosidades sobre a Atari que todo gamer precisa saber. Confira:

1 – O preço nos dias de hoje

Em 1972, quando foi lançado, o Atari custava US$ 250 (o que hoje equivale a R$ 800, levando em consideração a cotação atual do dólar). Se corrigirmos o valor do videogame de acordo com a inflação nesses anos, seu preço estaria em torno dos R$ 3 mil – isso sem contar com as tributações brasileiras…

2 – Steve Jobs foi funcionário da Atari

Talvez você não saiba que Steve Jobs trabalhou na Atari entre 1974 e 1975 e essa foi sua única experiência como empregado. Depois ele saiu da empresa para montar a Apple, em conjunto com Steve Wozniak. Antes, os dois criaram o Breakout, jogo de 1976 da Atari.

Para quem deseja saber mais sobre esse tempo que ele passou na empresa, indicamos o livro Steve Jobs – A Biografia, escrito por Walter Isaacson e o filme Jobs.

3 – Bill Gates também participou da história da Atari

A Atari precisou contratar uma empresa que a auxiliasse na linguagem de programação BASIC para o Atari 800. Um jovem desenvolvedor foi responsável pelo projeto, ele era ninguém mais, ninguém menos do que Bill Gates e a organização que ofereceu o serviço era a Microsoft, mas depois de um ano o tal software não estava pronto. Com isso, Gates foi dispensado.

4 – O Atari teve sua versão fitness

O primeiro aparelho eletrônico que visava a prática de exercícios físicos foi criado pela Atari, em 1982 e se chamava Puffer. A ideia é que as pessoas jogassem ao mesmo tempo em que pudessem exercitar o corpo e melhorar sua saúde e a empresa até chegou a lançar games para o segmento.

5 – Parceria com a Nintendo?

Quando a Nintendo decidiu investir no mercado de games, chegou a considerar uma parceria com a Atari para desenvolver seu primeiro console. Como sabemos, as negociações não vingaram e a Nintendo criou o NES. Mas já parou para pensar em como seria se as duas empresas se unissem?

6 – Um outro tipo de “uniforme”

Em 1980 praticamente nenhuma empresa permitia que seus funcionários usassem roupas casuais para trabalhar, diferentemente da Atari – e isso dava uma espécie de “status” para eles. Além disso, quando as metas eram batidas eles comemoravam com festas em piscinas e bebida liberada.

7 – Um E.T. sem sucesso

Quando o Atari 2600 foi lançado, em 1979, as pessoas deixaram de ir ao fliperama para jogar em casa, já que o console permitia o uso de cartuchos. Com isso, vários jogos foram lançados, muitos sem qualidade – como foi o caso do game inspirado no filme E.T. – O Extraterrestre, considerado o pior jogo de todos os tempos.

O jogo foi licenciado por US$ 21 milhões e a Atari precisava vender 4 milhões de cartuchos para recuperar o valor e o que investiu em divulgação. As negociações para lançar o game terminaram em julho e ele deveria estar pronto até o Natal. Para aproveitar a data, eles tiveram que adiantar a produção para setembro e tiveram apenas 5 semanas para desenvolver o jogo. Óbvio que isso não deu muito certo e impactou a empresa.

E.T. ficou conhecido como o pior jogo da história, principalmente por causa dos bugs. Com isso, a Atari enterrou milhões de cartuchos no deserto.

Então, lembra do Atari? O videogame era do seu tempo? Se tiver mais alguma curiosidade para compartilhar com a gente, deixe nos comentários! ;)

 

Você também pode gostar