Se você trabalha com computação, certamente já deve ter ouvido falar sobre o cloud computing. Esse modelo de armazenamento revolucionou o setor da tecnologia e, também, dos negócios empresariais. 

Confira quais são os tipos, as diferenças e os benefícios da computação em nuvem!

 

Quais são os tipos de cloud computing?

O cloud computing é um modelo de armazenamento de dados muito eficiente e de alta qualidade. 

Ele centraliza todas as informações de uma organização de maneira on-line e, o melhor, não é preciso se conectar a um servidor local sempre que quiser acessar um dado! O modelo nada mais é do que uma hospedagem em nuvem. 

Há três tipos de cloud computing, confira:

 

1. Nuvem Pública

Na nuvem pública, todas as informações armazenadas de uma empresa ficam disponíveis na web e podem ser compartilhadas simultaneamente entre os usuários. 

Por ter a funcionalidade do compartilhamento do servidor, costuma ser uma opção mais em conta, uma vez que não compromete tanto o orçamento da empresa. 

Esse serviço é indicado para negócios que desejam estar adeptos às novas tecnologias, mas sem comprometer seus gastos finais. 

 

2. Nuvem Privada

É similar à pública, porém, o compartilhamento das informações entre os usuários é de uso restrito. Por exemplo, caso a empresa faça muitas transações financeiras e não queira que outras pessoas, além da área responsável por essa ação, tenham acesso.

É a opção mais indicada para a proteção de dados, em médias e grandes empresas. 

3. Nuvem Híbrida

A híbrida é, basicamente, a junção das duas nuvens anteriores. O modelo permite que informações mais sigilosas fiquem armazenadas na nuvem privada, por exemplo, e as de uso comum, na pública. 

Serviços em nuvem

Além dos modelos de cloud computing, há ainda os serviços em nuvem que atendem desde necessidades simples às mais complexas. Veja só:

SaaS

É o mais popular e usado mundialmente. Permite que qualquer usuário acesse dados de onde quer que ele esteja e por qualquer dispositivo desktop, smartphone, tablet, etc. 

Entre os benefícios está a redução de custos com TI, facilidade de personalização e alta disponibilidade de acesso entre os membros da organização. 

PaaS

No PaaS, é possível contar com os modelos privado e público, ao mesmo tempo. A grande vantagem desse serviço é que ele é mais que um software, pois gerencia e armazena as aplicações do sistema.

Ou seja, é adaptado às necessidades, reduz o tempo de implementação na plataforma e gera menos gastos com desenvolvimento.

IaaS

No IaaS, a empresa contrata somente o necessário para o armazenamento. Portanto, é ótimo para a otimização de custos. Além disso, é um serviço flexível e bastante seguro.

Gostou de conhecer os tipos de cloud computing e suas aplicações? Conheça nossas soluções e continue acompanhando o blog!

Exibir ComentáriosOcultar Comentários

Faça um comentário