Esqueça a história de contratar uma equipe inteira para colocar um site no ar, isso ficou no passado. Hoje, existem diversas ferramentas que ajudam você mesmo a montar seu site sem a necessidade de conhecimento técnico. Moral da história: não é preciso ser fera em design e entender de programação para desenvolver um site.

A questão é que, como existem várias ferramentas que prometem isso, é natural que surjam várias dúvidas sobre qual plataforma escolher. Essa é uma decisão que pode envolver custo, recursos e até mesmo segurança. Mas afinal, por qual optar? Este conteúdo vai ajudar nessa tarefa!

Qual plataforma escolher?

Para entender a melhor opção para o seu negócio, é necessário considerar alguns pontos:

  • O quanto você está disposto a investir no projeto?
  • O seu negócio já existe e está se estabelecendo no mercado?
  • É um meio de ganhar dinheiro?
  • Você precisa de funcionalidades específicas (domínio, emails etc.)?
  • Você mesmo fará a gestão do projeto?

Se você responder sim para a maioria dos tópicos acima, é sinal de que uma ferramenta gratuita não irá atender todas as suas necessidades e pode até dificultar em um possível crescimento do seu negócio. 

Isso porque a ideia de um site gratuito funciona mais para projetos que podem demorar para se concretizar, já que, na prática você não irá contar com alguns recursos que são fundamentais para o seu dia a dia. Por isso, um criador de site pago tem muitos benefícios.

Quais as vantagens de pagar por um criador de sites?

Primeiro, esqueça o pensamento que vai ser necessário desembolsar muito dinheiro para ter um site próprio. Dependendo do serviço escolhido, a partir de R$6,90 ao mês você tem um site repleto de funcionalidades e vantagens. Vamos conhecer o que você deve considerar para escolher um serviço:

1)  Templates otimizados

Supondo que você produza doces, bolos e sobremesas para vender. É claro que você vai precisar de um site que tenha uma cara mais gourmet e que remete à gastronomia.

É possível desenvolver um site que seja a cara do seu negócio através dos diversos temas que um criador de sites oferece. Basta arrastar e clicar nos itens que deseja adaptar ao seu negócio. Um criador também é auto explicativo, o que facilita demais a execução e a montagem de um site.

As opções de templates de um criador de sites oferecem resolução e compatibilidade adaptável para dispositivos mobiles, por exemplo. Além disso, as opções tornam a gestão mais intuitiva, facilitando mudanças, caso precisem ocorrer.

2)  Customização

Não é porque você escolheu um modelo que já existe que o seu site será igual ao de todos que tenham optado pelo mesmo template. Isso porque você pode customizar a fonte, as cores e deixar tudo com a cara do seu negócio. A personalização é uma ótima opção para garantir que a sua presença digital seja igual ao modo como o seu negócio se apresenta.

A maioria das ferramentas gratuitas oferecem recursos limitados que impactam nos elementos visuais que você precisa para montar o seu site.

3) Banco de imagens

Para quem está começando, é primordial saber que você não pode simplesmente pegar imagens do Google e usá-las no seu site. Ao fazer isso, existe o risco de ser acionado por direitos autorais.

Porém, comprar imagem por imagem acaba ficando mais caro do que a execução do site. Dessa forma, opte por um criador que tenha um banco de imagens para você usar sem custo adicional.

4) Responsividade

Hoje 67% das pessoas que acessam a internet ao redor do mundo fazem isso via celular, de acordo com o relatório We Are Social, de 2019. Isso significa que o seu site precisa se adaptar aos acessos via dispositivos mobile e desktops

Também é relevante saber que o Google rankeia melhor os sites responsivos. Ou seja, se o seu site demorar muito para carregar no celular ou tablet, ele vai aparecer atrás daqueles que carregam rapidinho. Esse fato é determinante para um negócio, pois, é preciso estar à frente dos concorrentes, inclusive nos mecanismos de busca!

5) Domínio 

Uma das vantagens de adquirir um criador de sites pago é ter disponível o domínio, o que otimiza o seu orçamento, integrando as suas ferramentas. 

O domínio se refere ao registro do nome do seu negócio na internet, que será a sua URL. Isso garante credibilidade aos clientes uma vez que eles poderão pesquisar sobre o seu negócio na web. Um domínio grátis nem sempre atende aos mecanismos de busca, por exemplo, já que na sua maioria é necessário adaptar o seu domínio ao nome associado da plataforma gratuita.

Além disso, com o domínio feito, você pode criar e-mails com o nome do seu negócio após o @, por exemplo, joao@seunegocio.com.br — mais uma forma de gerar credibilidade e utilizar um canal de comunicação para o seu negócio.

6) Sem anúncios 

Você já deve ter sido incomodado ao navegar por algum site e ser impactado por uma peça de publicidade, não é mesmo? 

Plataformas gratuitas podem utilizar o seu site para gerar publicidade e adicionar banners de propagandas, por exemplo. Isso é praticamente inevitável quando se utiliza alguma ferramenta grátis e é um fator negativo para a experiência do seu visitante, já que você não possui controle sobre o que irá aparecer, o que significa que ao navegar ele poderá aparecer como pop-ups e banners que vão dificultar a experiência do visitante e até mesmo espantá-lo. 

7) Segurança

Outro ponto importante é visto se compararmos os recursos de segurança que uma plataforma grátis não é capaz de oferecer. 

Um site precisa de proteção para dados e informações que trafegam entre um servidor e outro. As transações, transferências e armazenamentos são um dos recursos mais vulneráveis que podem ser atingidos quando não utilizamos um certificado de segurança como o SSL (Secure Sockets Layer), responsável pela criptografia de dados, por exemplo. 

Atualmente o Google indica as páginas que oferecem esse recurso ao usuário, tornando aquela página segura para a sua navegação e protegendo os seus dados. Em alguns navegadores é possível localizar o símbolo de seguro estando como um cadeado verde antes da url do site.

Diferente dos criadores de sites pagos, as plataformas gratuitas não oferecem um certificado integrado, sendo necessário utilizar versões gratuitas com duração limitada a três meses — ou seja, a atualização torna-se manual uma vez que após o período você precisará solicitar uma nova licença e configurá-la no seu domínio. 

8) Suporte

Construir um site do zero, por mais simples que seja, pode apresentar algumas dificuldades. Quando você escolhe um criador pago, terá suporte 24 horas para esclarecer qualquer dúvida. Por isso, tenha certeza de que a ferramenta escolhida dá o suporte especializado em português e durante os sete dias da semana.

Teste antes mesmo de adquirir

Se você ainda está na dúvida, faça todos os testes necessários para garantir que você está adquirindo realmente o que precisa. Pesquise sobre os criadores que estão disponíveis e verifique quais atendem esses pontos.

Nós sabemos: começar a presença digital de um negócio significa mapear tempo, investimento e selecionar recursos para ajudar o seu projeto a atingir resultados no dia a dia. 

O nosso Criador de Sites, por exemplo, oferece caixas de e-mail gratuitas e registro de domínio incluso para otimizar o orçamento de quem precisa unir custo-benefício, qualidade e autonomia para criar um site sozinho. São mais de 120 temas para o seu endereço digital ter a cara do seu negócio e diversos planos que vão facilitar a sua gestão. 

E para conhecer o Criador de Sites é simples: faça um teste grátis durante 15 dias e conheça os benefícios de um dos principais criadores do mercado. E se você ainda possui alguma dúvida, ou quer falar com um especialista, entre em contato para conhecer mais vantagens!

Exibir ComentáriosOcultar Comentários

Faça um comentário