PostgreSQL9.5 disponível em todos os planos de Hospedagem

em Hospedagem.
hospedagem de sites postgre9.5

Agora, em todos os planos compartilhados de Hospedagem de sites, o PostgreSQL9.5 já está disponível! \o/ Além de ganhos de performance nessa nova versão, existem novas funcionalidades muito pertinentes para desenvolvedores:

Convertendo INSERTs em UPDATEs:

Esta funcionalidade é conhecida como UPSERT (junção de UPDATE com INSERT), e era algo muito aguardado pela comunidade, já que a sua implementar através de funções, embora pareça trivial, é cheia de pequenos detalhes que potencialmente podem gerar inconsistências no banco de dados.

Exemplo:

postgres=# CREATE TABLE usuario (id SERIAL PRIMARY KEY, value TEXT NOT NULL);
CREATE TABLE
postgres=# INSERT INTO usuario (value) VALUES (‘Texto via insert’);
INSERT 0 1
postgres=# INSERT INTO usuario VALUES (1, ‘Texto via insert 2’) ON CONFLICT (id) DO UPDATE SET value = ‘Texto via on conflict do update’;
INSERT 0 1
postgres=# SELECT * FROM usuario;
id | value
—-+———————————
1 | Texto via on conflict do update
(1 row)

————–

Para mais detalhes, consulte a documentação. 

Block Range Indexes (BRIN):

Este índice é uma boa opção para tabelas muito grandes. Ele (possivelmente) sacrifica um pouco de performance de leitura para uma maior agilidade na manipulação dos dados (DMLs). É um índice para resolver um problema específico, mas também é mais uma possibilidade para o DBA extrair a maior performance possível.

Outra melhoria que merece menção é a manipulação de JSON. JSON e JSONB são dois tipos de dados para armazenar JSON (JavaScript Object Notation). Além de performance, mais funções e integrações com o SQL foram adicionados, facilitando o seu uso.

Além das melhorias do próprio software, alteramos também nossa arquitetura do ambiente, reduzindo o tempo de backup e permitindo a possibilidade aos clientes de pedir um backup de qualquer momento (Point in Time Recovery).

Também em linha com as tendências atuais de desenvolvimento, deixamos como padrão o encoding UTF-8 em detrimento do LATIN1. Ainda é possível instalar bases com o LATIN1, porém atualmente é necessário entrar em contato conosco.

Consulte todas as funcionalidades dos planos de Hospedagem de sites aqui.

 

Por José Arthur, Administrador de Banco de dados na Locaweb.

Você também pode gostar