A nota Fiscal é um documento que está no dia a dia do gestor, seja de um negócio online ou offline. Esse documento comprova a realização de um serviço ou a compra ou venda ou de um produto. É importante entender que não emitir a nota fiscal é considerado sonegação fiscal. De acordo com a Lei, a emissão de documentos fiscais é obrigatória para negócios que contribuem para o ICMS (Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços) ou para o IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados). Já para os enquadrados no regime Simples Nacional ou MEI (Microempreendedor Individual) essa ação é dispensada.

Desde o surgimento da nota fiscal eletrônica, o processo ficou ainda mais simplificado, mas é preciso entender os tipos, o modo de emitir e as especificações do documento para realizar o processo de maneira correta. O objetivo é centralizar as informações tributárias e facilitar o trabalho dos órgãos responsáveis.

Neste artigo, vamos abordar as principais informações quando o assunto são notas fiscais. Confira!

Quais são os tipos de notas fiscais?

As notas fiscais se dividem por tipos e modelos, abaixo os principais tipos:

  • NF-e (Nota Fiscal Eletrônica)
  • NF-e Complementar
  • NFS-e (Nota Fiscal de Serviços Eletrônica)
  • NFC-e (Nota Fiscal Eletrônica do Consumidor)
  • DANFE (Documento Auxiliar da Nota Fiscal Eletrônica)
  • CT-e (Conhecimento de Transporte Eletrônico)

Os principais modelos de Notas Fiscais Eletrônicas:

  • Nota Fiscal (Modelos 1 ou 1-A): Utilizada por todos os contribuintes sujeitos à legislação do IPI e do ICMS.
  • Nota de Venda a Consumidor (Modelo 2): Documento emitido para o cliente que adquire a mercadoria ou o serviço.
  • Nota Fiscal de Produtor (Modelo 4): Utilizada para comprovar as operações rurais e trazer benefícios para os produtores.
  • Nota Fiscal de Energia Elétrica (Modelo 6): Tem como objetivo tratar as operações de distribuidoras de energia elétrica.
  • Nota de Serviço de Transporte (Modelo 7): Utilizada em todos os tipos de transporte: de pessoas e de mercadorias.
  • Nota de Serviço de Comunicação (Modelo 21): Emitida por empresas de comunicação de qualquer meio.
  • Nota de Serviço de Telecomunicações (Modelo 22): Destinada aos serviços de telecomunicação, como emissoras de rádio.
tudo sobre nota fiscal

Como emitir uma Nota Fiscal Eletrônica?

Para emitir uma nota fiscal eletrônica (NF-e) é preciso contar com um Certificado Digital, que é um documento de autenticação de validade jurídica e fiscal. Através dele é possível emitir NF-e, NFS-e e NFC-e.

É possível emitir notas fiscais eletrônicas pelo sistema da Prefeitura do seu município, para MEIs e pequenas empresas. Porém, o jeito mais completo é emitir o documento através de um sistema de gestão online que possibilita emitir a sua nota fiscal de maneira automatizada, desta forma assim que a venda é realizada os os dados do comprador já são inseridos no documento que passa a ser emitido e entregue junto ao produto.

Vantagens de emitir notas fiscais eletronicamente pelo ERP:

Além da praticidade, emitir notas fiscais através do ERP também é uma forma de conectar os setores do negócio em uma única plataforma de gestão: cadastros, estoque, fluxo de caixa, emissão de notas e logística de entrega. Outras vantagens são:

  • Integração: quando a nota é emitida diretamente do ERP, ela já fica conectada ao sistema de gestão, onde todos os outros dados são atualizados: caixa, estoque e entregas.
  • Organização: com a emissão através do ERP a organização do negócio também se mantém mais efetiva.
  • Praticidade: Imagine não precisar fazer o processo de emissão manualmente, o ERP emite a nota e já envia automaticamente para o cliente, desde que cadastrado.
  • Segurança: Tanto para clientes quanto para lojistas, a emissão de notas fiscais é uma garantia de bom atendimento e segurança da transação.

Como consultar uma nota fiscal após emitida?

Para consultar uma nota fiscal, basta acessar o portal da Nota Fiscal Eletrônica e inserir a chave de acesso de 44 dígitos recebida com o DANFE, valide o captcha e pressione “Continuar”. A nota será exibida pelo site.

Notas Fiscais para o negócio expandir sempre mais

As notas fiscais emitidas e entregues ao cliente mantém o seu negócio em dia com o Fisco e a Receita Federal. Através de um ERP de gestão, é possível emitir notas de maneira fácil e rápida, sem complicação. Se ainda não é cliente Bling, faça um teste grátis por 3 meses utilizando o cupom #locaweb e entenda na prática como gestão e integração quando feitas juntas somam para o bem do negócio.

Automatizando alguns processos, com mais tempo livre o gestor passa a estruturar estratégias de campanhas de vendas, deixando o operacional para o ERP.

Quem decide vender no e-commerce, precisa estar bem informado com relação às notas fiscais e suas especificações para que as vendas ocorram com tranquilidade e as entregas com eficiência.